No Brasil em 2014, 81% dos homicídios em domicílio foram de homens, metade dos atendimentos médicos a homens agredidos em 2011 foram por violência doméstica.
Porém os homens não têm nenhum apoio para ajudá-los ou a seus filhos.
NÃO HÁ suporte ou serviços de advocacia,
NÃO HÁ abrigos para levar seus filhos,
NÃO HÁ acesso à assistência jurídica,
NÃO HÁ nenhum aconselhamento cara a cara,
NÃO HÁ nenhuma assistência financeira,
NÃO HÁ nenhum reconhecimento como vítimas, seja pela mídia ou pelo governo,
E, Homens são feitos para assumir a responsabilidade pela violência familiar por muitas organizações financiadas pelo governo e figuras políticas.

Queremos aumentar a conscientização sobre este problema e falar sobre o elefante na sala que todo mundo ignora. Queremos que o governo reconheça que a vida dessas vítimas importa também. Queremos que eles entendam que essas mortes provam que violência doméstica não é uma questão de gênero.

Por favor, mude sua foto de perfil nas redes sociais para uma imagem de um elefante para mostrar seu apoio e compartilhar esta mensagem para todos que você sabe que tem um marido, pai, filho ou irmão que eles se preocupam.

Você está convidado a usar a imagem com a nossa gratidão.

– Versão adaptada de Exposing Feminism

 


[1] Metade dos atendimentos médicos a homens agredidos em 2011 no Brasil foram por violência doméstica. (Mapa da Violência, 2012.)

[2] 34% dos atendidos no SUS em 2014 por violência doméstica e sexual eram homens (Mapa da Violência, 2015.)

[3] 81% dos homicídios em domicílio são de homens. (Mapa da Violência, 2015)

[4] 4 de 10 dos meninos no Brasil que apanham da namorada não revidam. (Fiocruz, 2010)

[5] 46% das crianças atendidas por violência doméstica e sexual no SUS em 2014 são meninos. (Mapa da Violência, 2015)

[6] 35% dos adolescentes atendidos por violência doméstica e sexual no SUS em 2014 são meninos. (Mapa da Violência, 2015)

[7] Um estudo realizado pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp)
aponta que as mulheres são mais agentes de casos de violência doméstica do que vítimas.

[8] Mulheres agridem mais que homens.
Estudo realizado por Fernanda Bhona, na Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), em Minas Gerais.

[9] As estatísticas falsas mais difíceis de denunciar são as de violência doméstica. (Christina Hoff Sommers, Ph.D., Professora de Filosofia, Clark University)

[10] Harvard diz que 70% da violência doméstica é cometida pela mulher contra o homem (2013)

[11] Homens de quem não se fala: as vítimas esquecidas da violência na intimidade. (Andreia Machado, Marlene Matos – Sociedade Portuguesa de Psiquiatria e Psicologia da Justiça)

[12] O número de homens vítimas de abuso doméstico nos EUA é surpreendentemente alto, então por que não ouvimos falar disso? (Jenna Birch)

[13] Violência da mulher contra o homem (Bibliografia de múltiplos artigos científicos – 2012)

[14] Violência da mulher contra o homem (Bibliografia de múltiplos artigos científicos – 2014)

[15] Simetria de gênero na violência conjugal: Evidências e consequências para prevenção e tratamento (Murray A. Straus)

[16] 40% das vítimas de violência doméstica na Grã Bretanha são homens. (Governo Britânico, 2010)

[17] Sobem as denúncias de violência doméstica por homens e caem por mulheres nos EUA. (Karla Ivankovich, PhD, Ph.D., Professora de Psicologia, Universidade de Illinois, EUA.)

[18] 20% dos homens vão presos quando chamam polícia por violência doméstica nos EUA. (Edward Rhymes, Ph.D., sociólogo.)

[19] Homens vítimas de violência doméstica são desdenhados e desamparados na Austrália. (ACA – A Current Affair)

[20] 53% das vítimas de violência doméstica nos EUA são homens. (Centro de Controle e Prevenção de Doenças, Governo Federal dos EUA)

[21] 6 de 10 crianças que apanham dos pais nos EUA são vítimas só da mãe. (Jeffrey Rosenberg e W. Bradford Wilcox – Depto de Serviço Social dos EUA)

[22] 14 homens por dia se queixam de violência doméstica em Portugal. (Polícia de Segurança Pública – PSP)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *